Adhkon

Tudo que você precisa saber para expandir seu supermercado

O setor supermercadista sempre está em alta, afinal, é o principal canal de vendas de alimentos para as famílias brasileiras. Se você já empreende nessa área, tem observado uma alta na demanda e pretende aumentar ainda mais os serviços e o faturamento, talvez esteja no momento de considerar expandir seu supermercado.

Claro que, antes de tomar uma decisão, é importante ter em mente que existem muitas possibilidades e muitos pontos a serem analisados. Sabendo disso, preparamos um texto com tudo o que você precisa saber antes de ampliar os negócios.

O cenário econômico dos supermercados

Um dos pontos que mais requer atenção quando considera uma expansão é observar como está o mercado e o comportamento de consumo. Será que a maior parte do público ainda compra em supermercados? Quais são os clientes do setor? O que eles procuram? Todas essas questões, além de muitas outras, podem influenciar na hora de tomar uma decisão.

Para te ajudar, nós buscamos algumas respostas:

  • O público ainda compra em supermercados?

    De acordo com a Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), divulgado neste mês de fevereiro de 2019 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Pesquisa (IBGE), o comércio varejista fechou 2018 com alta de 2,3%, a maior taxa anual desde 2013, e a maior influência positiva neste índice veio da atividade de hipermercados e supermercados, que teve aumento de 2,3%.
    Ou seja, podemos concluir que sim, o público continua comprando em supermercados.

  • Quais são os clientes do setor?

    O setor supermercadista atrai igualmente todos os perfis de pessoas, com pouquíssima diferença entre gênero, classe e idade. 89% da população com 16 anos ou mais costuma ir ao supermercado, mas, quando falamos em canal de compra, o público feminino e pessoas entre 25 e 54 anos têm uma ligeira superioridade.
    Estas informações foram levantadas pela Associação Paulista de Supermercados (APAS) em parceria com o Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (IBOPE ), na Pesquisa Tendência do Consumidor, de 2018.

  • O que eles procuram?

    Os supermercados continuam sendo o principal local de compra para alimentação, bebidas e material de limpeza. Já os produtos de hortifrúti e feira têm menores procuras, mas são uma alternativa importante para o consumidor. Além disso, o público ainda busca preço, qualidade e variedade.

Estas informações também são da Pesquisa Tendência do Consumidor, de 2018.

Momento ideal para expandir seu supermercado

Para ter certeza de que este é o momento ideal para expandir seu negócio, é importante avaliar três pontos: o volume de público, de vendas e os recursos financeiros.

Se as vendas do seu supermercado têm aumentado com o tempo, é possível considerar uma ampliação da operação para conseguir atender todas as demandas. Além disso, se o fluxo de pessoas também tem sido maior que antes, investir na expansão é uma maneira de garantir mais conforto e possibilitar que mais clientes frequentem o local.

Porém, mesmo com os sinais otimista citados no parágrafo anterior, antes de decidir é importante analisar a parte financeira, como, por exemplo, o faturamento mensal e o nível de lucratividade. Se o saldo for positivo o suficiente para investir na expansão, significa que este é um bom momento para fazer essa mudança.

Com esses três pontos alinhados, é hora de encontrar a melhor maneira de ampliar os negócios sem sair no prejuízo.

Possibilidades de expansão de supermercado

Quando pensamos em expansão, existem, basicamente, três possibilidades que se adequam em diferentes situações:

  1. Expansão do espaço: essa ampliação do espaço físico possibilita oferecer uma quantidade maior de produtos e ainda atender mais pessoas, garantindo o conforto do público. É uma excelente escolha para quem tem aumento de procura e vendas, mas não possui muitos recursos financeiros. É a opção mais econômica de todas.
  2. Nova filial: é ideal para quem deseja atender diferentes demandas em outras localizações, seja em bairros, cidades ou até estados diferentes. É também uma boa opção para quem possui um ponto comercial mais atrativo que o do estabelecimento atual, auxiliando na expansão da receita. Requer um investimento maior, já que criará um novo empreendimento.
  3. Franquias: o franqueamento é perfeito para quem deseja expandir a marca para diferentes lugares com público em potencial. Esta possibilidade gera renda passiva (vinda do pagamento da taxa de franquia e royalties sobre faturamento) e é um bom negócio para os empresários que desejam investir em um novo empreendimento, mas não querem começar do zero.

expandir seu supermercado - expansão de supermercado

Como começar a expansão do supermercado

O primeiro passo é, certamente, fazer um planejamento adequado para evitar o máximo de imprevistos. Defina pontos importantes, como um tempo ideal de obra, um orçamento adequado e o que exatamente você deseja fazer no seu empreendimento. Depois disso, a próxima etapa é encontrar uma empresa com qualidade comprovada para fazer sua obra.

A escolha certa faz toda a diferença não só no resultado, mas também em todo o processo de construção. Isso porque só uma construtora comprometida é capaz de respeitar todos os seus desejos e, principalmente, o seu orçamento, além de encontrar as melhores soluções e evitar qualquer dor de cabeça.

Uma boa opção é contratar uma empresa que cuide de todos os passos da obra, desde o planejamento até a finalização, e que tenha profissionais qualificados para realizar o trabalho, vistoriando cada etapa e garantindo que tudo esteja de acordo com um cronograma que te agrade.

Essa é a melhor maneira de evitar atrasos, desperdício de material e acréscimos no orçamento e garantir total qualidade e segurança para essa nova fase do supermercado.
expandir seu supermercado - expansão do supermercado

Construtora para expandir seu supermercado

A Adhkon Construtora é especializada em construir, ampliar, reformar e modernizar supermercados. Com mais de 15 anos de atuação, é referência em agilidade, curto prazo de obra e projetos de excelência.

Tem como principal objetivo apresentar soluções inteligentes e integradas que agreguem valor à vida de cada parceiro, sempre priorizando a comunicação clara e atendimento prioritário para garantir que o empreendimento fique exatamente como o cliente imaginava quando decidiu construir.

Se você tem certeza de que o seu supermercado deve passar por uma expansão, fale com os profissionais da Adhkon Construtora.
Telefone: (11) 4725-9850 | (11) 4726-5188
E-mail: atendimento@adhkon.com.br

Read more

O que é orçamento de obra?

O orçamento de obra é uma estimativa, com bases sólidas, que indica o preço da obra naquele momento. Isso quer dizer que se a obra pudesse ser realizada na mesma data em que o orçamento foi feito, ela teria o preço indicado no documento.

Ter a contribuição de diversas áreas da empresa para elaborar um orçamento ajuda a contemplar todas as necessidades e saber quais materiais a obra precisará. Isso torna o orçamento mais preciso e confiável, capaz de proporcionar esses e outros benefícios:

– Controle de custos;
– Maior poder de negociação junto a fornecedores;
– Registro histórico evolutivo obra a obra;
– Compatibilização de projetos;
– Participação assertiva em licitações.
– Atributos de um orçamento de obra

Para fazer um orçamento de obra, enumeramos quatro atributos que precisam ser seguidos:

Poder de representação: Este é o item mais importante, pois é por meio dele que conhecemos as decisões da obra. Quando reflete os pré-requisitos, premissas, riscos e responsabilidades do projeto, um orçamento tem poder de representação. Por isso, é importante envolver a engenharia no processo de confecção do orçamento de obra.

Exclusividade: Aqui são refletidas as peculiaridades da obra, pois cada modelo de orçamento só serve para um determinado projeto, pois cada planejamento possui fatores característicos que afetam o orçamento diretamente.

Valoração estimada: Ao longo da execução, terá algumas variáveis e é imprescindível que o orçamento as acompanhe, já que o orçamento é conhecido por ser um dos instrumentos da engenharia de custos.

O atributo da valoração estimada leva ao mecanismos de controle de custos. Estes recursos permitem o aprimoramento das informações contidas no orçamento.

Validade temporal: Com o passar do tempo, valores e quantidades precisam ser atualizadas. Fazer o orçamento de obra é um processo contínuo, por isso é importante considerar mudanças de preços, eventuais novos impostos ou alíquotas, inovações tecnológicas, dentre outros fatores.

O que é orçamento de obra?

Diferença entre orçamento de obra e orçamentação

Antes de fazer um orçamento para obra, é importante saber diferenciar orçamento de orçamentação. O que você precisa entender é que o orçamento é resultado de todo o processo de orçamentação. Por isso, quando falamos “como fazer orçamento de obra” queremos dizer “como fazer orçamentação para obter o orçamento”.

A orçamentação pode ter como resultado final orçamentos de tipos diferentes:

Estimativa de custos: É uma avaliação aproximada de custos de um projeto, onde os resultados são levantados de acordo com os projetos anteriores ou obras semelhantes realizadas na mesma região. Neste caso, a estimativa de custos é feita por meio de tabelas desenvolvidas ou fornecidas por empresas privadas ou públicas.

Ela não leva o nome de orçamento, pois é uma estimativa de valor e atende apenas um momento do projeto. Sua função é apenas de balizar gastos.

Uma das ferramentas usadas para a estimativa de custos é o Custo Unitário Básico (CUB) da construção. Ele é um valor aferido por todos os Sindicatos da Construção e representa o valor médio gasto por metro quadrado construído por construtoras de cada Estado, contemplando características básicas das edificações, tais como:

• Tipo de construção;
• Quantidade de pavimentos;
• Quantidade de quartos;
• Padrão de acabamento.

Mesmos sendo muito útil para determinadas aplicações, o CUB não contempla custos importantes para um orçamento. Ficam de fora, por exemplo, custos com projetos, fundações, terreno, paisagismo, lucro e impostos.

Orçamento preliminar: Este tipo de orçamento é feito após a elaboração do anteprojeto e antes dos projetos básicos. Ele oferece mais detalhes do que a estimativa de custos.

Isso porque o orçamento preliminar já atende as quantidades e custos de alguns trabalhos menores. Isso significa que o orçamento preliminar já leva em consideração as espessuras de lajes, por exemplo. Com isso, torna-se possível calcular quantidades de aço, concreto e fôrmas. Além disso, o orçamento preliminar apresenta aproximadamente quantidades de materiais básicos.

Orçamento analítico: Este é o momento mais preciso e detalhado sobre como conhecer os custos de uma construção e para saber como fazer um orçamento de obra, a técnica do orçamento analítico precisa ser dominada.

O orçamento analítico tem como ponto de partida as composições de custos unitários. E vai fundo em cada etapa da obra, levando em conta cada insumo necessário para a execução da obra.

Com isso, o orçamentista usa composições de custo para cada um dos serviços previstos, com todas as quantidades de materiais, equipamentos e mão de obra.

Para este tipo de orçamento é demandada consulta a tabelas de referência ou a realização de pesquisas de mercado. É o orçamento analítico que leva em consideração tanto os custos diretos quando os custos indiretos de uma obra. Entretanto, para fazer um orçamento de obra preciso, é necessário saber o que são custos diretos, custos indiretos e composições de custos unitários.

Custos diretos: Estão diretamente relacionados ao serviço a ser executado. Vamos considerar que custos diretos de construção são os gastos com materiais, equipamentos e mão de obra.

A determinação dos custos diretos é feita a partir da composição de custos com as quantidades definida de insumos e de mão de obra. Entretanto, somente os custos com a mão de obra diretamente envolvida na execução é que são considerados custos diretos. E eles contemplam os encargos com esses profissionais.

A execução de uma obra também envolve profissionais que não estão diretamente envolvidos com o projeto, mas como fazer orçamento de obra é o momento de colocar todos os custos no papel, o salário desses profissionais também precisa ser considerado, mas entram na tabela de custos indiretos.

Custos indiretos: Nem sempre estão ligados aos serviços que são executados no canteiro de obras. Considere que custos indiretos são aqueles gastos com a administração da empresa como um todo, envolvendo custos com despesas administrativas, taxas de seguro e riscos.

Composições de custos unitários

Para saber como fazer orçamento de obra, você precisa entender como os custos de obra são compostos.

As composições são as ferramentas que indicam as quantidades de insumos e de mão de obra necessárias para cada serviço.

Por meio das ferramentas de composição, que indicam as quantidades de insumos e de mão de obra necessária para cada serviço, é possível saber a quantidade de cada material para realizar um projeto, quantas horas serão necessárias e quantas pessoas serão demandadas.

Como fazer orçamento de obra

Existem diversas ferramentas que auxiliam a fazer um orçamento de obra e que facilitam o processo de orçamentação.

Mesmo que essas ferramentas sejam usadas, é importante entender os procedimentos fundamentais de como fazer orçamento de obra e para elaborar uma planilha, é preciso seguir alguns passos:

1. Atribuir uma composição de preços para cada um dos serviços;
2. Fazer cotação;
3. Fazer o levantamento dos custos indiretos e dos acessórios;
4. Considerar os impostos envolvidos;
5. Definir o lucro almejado;
6. Curva ABC;
7. Calcular o BDI (Benefícios e Despesas Indiretas);
8. Determinar o preço de venda;
9. Fazer o fechamento da planilha já considerando o preço de venda.

Agora que você já sabe tudo o que precisa sobre orçamento de obra, é hora de colocar em prática para construir seu negócio. Conte com a Adhkon Construtora para fazer todo o levantamento para você! Contamos com uma equipe técnica capaz de encontrar as melhores soluções para seu empreendimento. Entre em contato!

Read more

Supermercado: Oportunidade para ter o próprio negócio

Ter um supermercado é uma oportunidade vantajosa de ter o próprio negócio e ainda atuar em um dos ramos mais seguros e agitados da economia: a alimentação. Além disso, deixar seu trabalho seguro para embarcar no próprio empreendimento é uma escolha gratificante e que pode ser colocada em prática agora!

Oportunidade

Supermercado: Oportunidade para ter o próprio negócio

Mais que uma forma para empreender, ter um supermercado é uma oportunidade para manter-se ativo e conseguir faturar em todas as ocasiões.

Por isso, se você quer entrar nesta área, mas fica pensando na competitividade do mercado, não adie seus planos por esse motivo! A competição entre empresas não é ruim para os negócios. Ela força as empresas se manterem em constante atualização, buscando alinhar sua oferta à demanda do cliente e isso garante que seu negócio não seja esquecido pelo consumidor.

Pense assim: se há muitos empreendedores investindo em determinada área, significa que o segmento é rentável e tem atraído muita atenção. Afinal, um ramo competitivo geralmente é, também, um ramo que tem público-alvo.

A Adhkon Construtora tem um compromisso sério com você!

Para oferecer o melhor para cada cliente, a Adhkon Construtora tem comprometimento com a qualidade de seus serviços. Por isso, prezamos por:

  • Equipe de profissionais e técnicos que atendam às necessidades do contratante como um todo;
  • Segurança e dedicação na execução do projeto;
  • Prazos e pontualidade na entrega.

Entendemos que esses requisitos são fundamentais para a satisfação de ambas as partes, por isso, nossa responsabilidade é oferecer qualidade em nossos serviços e fortalecer o relacionamento de confiança com nossos clientes.

Somos especialistas em construção e dedicamos nossos esforços para oferecer o melhor para você!

Tire seu projeto do papel. Venha conhecer a Adhkon!

Read more