Adhkon

O que é orçamento de obra?

O orçamento de obra é uma estimativa, com bases sólidas, que indica o preço da obra naquele momento. Isso quer dizer que se a obra pudesse ser realizada na mesma data em que o orçamento foi feito, ela teria o preço indicado no documento.

Ter a contribuição de diversas áreas da empresa para elaborar um orçamento ajuda a contemplar todas as necessidades e saber quais materiais a obra precisará. Isso torna o orçamento mais preciso e confiável, capaz de proporcionar esses e outros benefícios:

– Controle de custos;
– Maior poder de negociação junto a fornecedores;
– Registro histórico evolutivo obra a obra;
– Compatibilização de projetos;
– Participação assertiva em licitações.
– Atributos de um orçamento de obra

Para fazer um orçamento de obra, enumeramos quatro atributos que precisam ser seguidos:

Poder de representação: Este é o item mais importante, pois é por meio dele que conhecemos as decisões da obra. Quando reflete os pré-requisitos, premissas, riscos e responsabilidades do projeto, um orçamento tem poder de representação. Por isso, é importante envolver a engenharia no processo de confecção do orçamento de obra.

Exclusividade: Aqui são refletidas as peculiaridades da obra, pois cada modelo de orçamento só serve para um determinado projeto, pois cada planejamento possui fatores característicos que afetam o orçamento diretamente.

Valoração estimada: Ao longo da execução, terá algumas variáveis e é imprescindível que o orçamento as acompanhe, já que o orçamento é conhecido por ser um dos instrumentos da engenharia de custos.

O atributo da valoração estimada leva ao mecanismos de controle de custos. Estes recursos permitem o aprimoramento das informações contidas no orçamento.

Validade temporal: Com o passar do tempo, valores e quantidades precisam ser atualizadas. Fazer o orçamento de obra é um processo contínuo, por isso é importante considerar mudanças de preços, eventuais novos impostos ou alíquotas, inovações tecnológicas, dentre outros fatores.

O que é orçamento de obra?

Diferença entre orçamento de obra e orçamentação

Antes de fazer um orçamento para obra, é importante saber diferenciar orçamento de orçamentação. O que você precisa entender é que o orçamento é resultado de todo o processo de orçamentação. Por isso, quando falamos “como fazer orçamento de obra” queremos dizer “como fazer orçamentação para obter o orçamento”.

A orçamentação pode ter como resultado final orçamentos de tipos diferentes:

Estimativa de custos: É uma avaliação aproximada de custos de um projeto, onde os resultados são levantados de acordo com os projetos anteriores ou obras semelhantes realizadas na mesma região. Neste caso, a estimativa de custos é feita por meio de tabelas desenvolvidas ou fornecidas por empresas privadas ou públicas.

Ela não leva o nome de orçamento, pois é uma estimativa de valor e atende apenas um momento do projeto. Sua função é apenas de balizar gastos.

Uma das ferramentas usadas para a estimativa de custos é o Custo Unitário Básico (CUB) da construção. Ele é um valor aferido por todos os Sindicatos da Construção e representa o valor médio gasto por metro quadrado construído por construtoras de cada Estado, contemplando características básicas das edificações, tais como:

• Tipo de construção;
• Quantidade de pavimentos;
• Quantidade de quartos;
• Padrão de acabamento.

Mesmos sendo muito útil para determinadas aplicações, o CUB não contempla custos importantes para um orçamento. Ficam de fora, por exemplo, custos com projetos, fundações, terreno, paisagismo, lucro e impostos.

Orçamento preliminar: Este tipo de orçamento é feito após a elaboração do anteprojeto e antes dos projetos básicos. Ele oferece mais detalhes do que a estimativa de custos.

Isso porque o orçamento preliminar já atende as quantidades e custos de alguns trabalhos menores. Isso significa que o orçamento preliminar já leva em consideração as espessuras de lajes, por exemplo. Com isso, torna-se possível calcular quantidades de aço, concreto e fôrmas. Além disso, o orçamento preliminar apresenta aproximadamente quantidades de materiais básicos.

Orçamento analítico: Este é o momento mais preciso e detalhado sobre como conhecer os custos de uma construção e para saber como fazer um orçamento de obra, a técnica do orçamento analítico precisa ser dominada.
O orçamento analítico tem como ponto de partida as composições de custos unitários. E vai fundo em cada etapa da obra, levando em conta cada insumo necessário para a execução da obra.
Com isso, o orçamentista usa composições de custo para cada um dos serviços previstos, com todas as quantidades de materiais, equipamentos e mão de obra.

Para este tipo de orçamento é demandada consulta a tabelas de referência ou a realização de pesquisas de mercado. É o orçamento analítico que leva em consideração tanto os custos diretos quando os custos indiretos de uma obra. Entretanto, para fazer um orçamento de obra preciso, é necessário saber o que são custos diretos, custos indiretos e composições de custos unitários.

Custos diretos: Estão diretamente relacionados ao serviço a ser executado. Vamos considerar que custos diretos de construção são os gastos com materiais, equipamentos e mão de obra.

A determinação dos custos diretos é feita a partir da composição de custos com as quantidades definida de insumos e de mão de obra. Entretanto, somente os custos com a mão de obra diretamente envolvida na execução é que são considerados custos diretos. E eles contemplam os encargos com esses profissionais.

A execução de uma obra também envolve profissionais que não estão diretamente envolvidos com o projeto, mas como fazer orçamento de obra é o momento de colocar todos os custos no papel, o salário desses profissionais também precisa ser considerado, mas entram na tabela de custos indiretos.

Custos indiretos: Nem sempre estão ligados aos serviços que são executados no canteiro de obras. Considere que custos indiretos são aqueles gastos com a administração da empresa como um todo, envolvendo custos com despesas administrativas, taxas de seguro e riscos.

Composições de custos unitários

Para saber como fazer orçamento de obra, você precisa entender como os custos de obra são compostos.

As composições são as ferramentas que indicam as quantidades de insumos e de mão de obra necessárias para cada serviço.

Por meio das ferramentas de composição, que indicam as quantidades de insumos e de mão de obra necessária para cada serviço, é possível saber a quantidade de cada material para realizar um projeto, quantas horas serão necessárias e quantas pessoas serão demandadas.

Como fazer orçamento de obra

Existem diversas ferramentas que auxiliam a fazer um orçamento de obra e que facilitam o processo de orçamentação.

Mesmo que essas ferramentas sejam usadas, é importante entender os procedimentos fundamentais de como fazer orçamento de obra e para elaborar uma planilha, é preciso seguir alguns passos:

1. Atribuir uma composição de preços para cada um dos serviços;
2. Fazer cotação;
3. Fazer o levantamento dos custos indiretos e dos acessórios;
4. Considerar os impostos envolvidos;
5. Definir o lucro almejado;
6. Curva ABC;
7. Calcular o BDI (Benefícios e Despesas Indiretas);
8. Determinar o preço de venda;
9. Fazer o fechamento da planilha já considerando o preço de venda.

Agora que você já sabe tudo o que precisa sobre orçamento de obra, é hora de colocar em prática para construir seu negócio. Conte com a Adhkon Construtora para fazer todo o levantamento para você! Contamos com uma equipe técnica capaz de encontrar as melhores soluções para seu empreendimento. Entre em contato!

Read more

Supermercado: Oportunidade para ter o próprio negócio

Ter um supermercado é uma oportunidade vantajosa de ter o próprio negócio e ainda atuar em um dos ramos mais seguros e agitados da economia: a alimentação. Além disso, deixar seu trabalho seguro para embarcar no próprio empreendimento é uma escolha gratificante e que pode ser colocada em prática agora!

Oportunidade

Supermercado: Oportunidade para ter o próprio negócio

Mais que uma forma para empreender, ter um supermercado é uma oportunidade para manter-se ativo e conseguir faturar em todas as ocasiões.

Por isso, se você quer entrar nesta área, mas fica pensando na competitividade do mercado, não adie seus planos por esse motivo! A competição entre empresas não é ruim para os negócios. Ela força as empresas se manterem em constante atualização, buscando alinhar sua oferta à demanda do cliente e isso garante que seu negócio não seja esquecido pelo consumidor.

Pense assim: se há muitos empreendedores investindo em determinada área, significa que o segmento é rentável e tem atraído muita atenção. Afinal, um ramo competitivo geralmente é, também, um ramo que tem público-alvo.

A Adhkon Construtora tem um compromisso sério com você!

Para oferecer o melhor para cada cliente, a Adhkon Construtora tem comprometimento com a qualidade de seus serviços. Por isso, prezamos por:

  • Equipe de profissionais e técnicos que atendam às necessidades do contratante como um todo;
  • Segurança e dedicação na execução do projeto;
  • Prazos e pontualidade na entrega.

Entendemos que esses requisitos são fundamentais para a satisfação de ambas as partes, por isso, nossa responsabilidade é oferecer qualidade em nossos serviços e fortalecer o relacionamento de confiança com nossos clientes.

Somos especialistas em construção e dedicamos nossos esforços para oferecer o melhor para você!

Tire seu projeto do papel. Venha conhecer a Adhkon!

Read more